sexta-feira, 20 de novembro de 2015

Vinhais - Conselho sobre as Áreas Protegidas e mostra do Espantalharte



CONSELHOS DO POVO TRANSMONTANO
ÁREAS PROTEGIDAS, CIDADANIA, DESENVOLVIMENTO E COOPERAÇÃO TRANSFRONTEIRIÇA

PROGRAMA

VINHAIS, 21 de novembro de 2015

Centro Cultural Solar dos Condes

Organização: Movimento Cívico DART (Defender, Autonomizar e Rejuvenescer Trás-os-Montes) e a ADASEC (Associação para o Desenvolvimento Social e Económico de Varge).

Colaboração: Câmaras Municipais de Bragança e de Vinhais e União de Freguesias de Aveleda e Rio de Onor.

SESSÃO DE ABERTURA – 14h30
Coordenação: António Tiza (Membro do DART, Professor aposentado e Presidente da Academia da Máscara).
Presidente: Berta Nunes (Presidente da Câmara Municipal de Alfândega da Fé e do ZASNET)
Outos membros da Mesa:
Boas Vindas - Américo Pereira (Presidente da Câmara Municipal de Vinhais)
António Luís Gomes Gonçalves (Presidente da Junta de Freguesia de Vinhais)


1º PAINEL – O HOMEM E A NATUREZA – ENQUADRAMENTO TEÓRICO E PROBLEMATIZAÇÃO – 15h00

            Coordenação: João Ortega (Membro do DART, Professor e Arquiteto).

           15h05 - Pe. Fernando António Calado Rodrigues: “Laudato si': Uma proposta de uma Ecologia Integral”.

            (Natural de Milhão, Bragança, foi ordenado a 20 de Junho de 1993. Iniciou a sua atividade pastoral em Torre de D. Chama e paróquias vizinhas. Em 2003, licenciou-se em Comunicação Social na Pontifícia Universidade Gregoriana, em Roma. Foi diretor do jornal Mensageiro de Bragança e colabora com o Correio da Manhã, desde setembro de 2012. Atualmente é pároco em Bragança, capelão do Hospital e do IPB).

            15h25 – Lionel Guedes: “Breve abordagem dos 36 Anos da implementação do Parque Natural de Montesinho”.
            (Técnico Superior do ICNF e Interlocutor da Área Protegida do Parque Natural de Montesinho)

            15h35 – Helena Alexandra Guerra Afonso Videira: “A participação da população no plano de ação da Reserva da Biosfera, Meseta Ibérica”.

(Licenciada em Relações Internacionais, Culturais e Políticas, pela Universidade do Minho, Pós-Graduação em Direito de Interioridade pela Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa, jornalista, ex-diretora do NERBA e atual Diretora do ZASNET).

        15h45 – Arsénio Dacosta: “El patrimonio antropológico en la Raya: ¿protección e integración?”.

(Historiador y antropólogo. Ha trabajado durante 15 años en tareas de catalogación y puesta en valor del patrimonio antropológico de Zamora y Salamanca. Entre 2002 y 2005 fue técnico coordinador en el Museo Etnográfico de Castilla y León, con sede en Zamora. Se acaba de incorporar como profesor de Antropología a la Universidad de Salamanca).

            16h05 – Debate.

            16h30 - Pausa para café.

            2º PAINEL – POLÍTICAS AMBIENTAIS: QUE AVALIAÇÃO? – 17h00.

Coordenação Francisco Alves (Membro do DART e Professor aposentado).

         17h10 – Lois Ladra: "O Reino Maravilhoso visto por um antropólogo galego residente no Douro Transmontano".

(Arqueólogo e antropólogo, natural da Galiza, residente no Douro Transmontano desde há cinco anos. Trabalhou nas equipas de minimização de impactos das barragens do Baixo Sabor e de Foz Tua. Publicou vários livros (dois deles sobre o Douro) e numerosos artigos em revistas, tendo colaborado com as transmontanas Brigantia e Tellus. O seu campo de trabalho e a sua seara é o património cultural galaico-português, quer nas suas manifestações materiais, quer nas imateriais).

            17h30 - Nuno Martins: "Palombar - Pela conservação da natureza e do património rural".

(Dirigente associativo desde 2000 e atual   presidente da Palombar - Associação de Conservação da Natureza e do Património Rural, com sede em Uva, Vimioso).

            17h40 - Carlos Abreu: “A raia que nos une e a inevitabilidade da cooperação”.

(Labrego do Douro Transmontano, raiano empedernido, iberista convicto, albardado por algumas Universidades da Península).

            18h00 - Participação dos presentes e Debate.

            SESSÃO DE ENCERRAMENTO – 18.45

Coordenação Mário Gomes (Membro do DART e Presidente da ADASEC, Professor e Engenheiro).
            
Presidente: Américo Pereira (Presidente  da Câmara Municipal de Vinhais).
Outros membros da Mesa:
Raquel Trigo (Técnica da CORANE de Bragança)
           
Comissão Organizadora: Francisco Alves, António Tiza, João Ortega, Mário Gomes, Valdemar Roca, José Terrão e Elisabete Barreira.

Comissão de Resoluções: António Tiza, João Ortega e Francisco Alves.

Secretariado: Elisabete Barreira, Valdemar Roca, Aurora Cunha e José Terrão.

Autor dos cartazes: Miguel Ângelo Alves Gata


Júri do Espantalharte: Manuel Trovisco, Emília Nogueiro, Alegría Alonso, Leonor Afonso e Miguel Ângelo Gata.

Sem comentários:

Enviar um comentário