sábado, 28 de novembro de 2015

MOGADOURO - Festas Solsticiais ,por Antero Neto

 





















Click nas imagens para aumentar
Reedição de posts desde o início do blogue.

8 comentários:

  1. Antero Neto Lopes disse:Este artigo vai ter uma segunda parte, com a pormenorização das festas.

    ResponderEliminar
  2. As fotografias são,também,de Antero Neto.Ao autor pedimos desculpa por este lapso.

    ResponderEliminar
  3. Não deixar morrer as tradições,fazer com que sejam vistas e sentidas in loco é dever das autoridades locais e das populações.Esplêndido texto e elucidativas fotografias do dr.Antero Neto,chamando a atenção para este importante assunto.A segunda parte,presume-se, terá o mesmo grau de rigor e qualidade.
    Muito obrigada por tanta e preciosa informação.

    Uma moncorvense

    ResponderEliminar
  4. Faço minhas as palavras de Uma Moncorvense. E, tal como ela, também espero pela 2ª parte.

    Um grande abraço para o Amigo Antero.

    Júlia

    ResponderEliminar
  5. Muito obrigado às duas. Há uma pequena correcção a fazer (que agradeço ao leitor e amigo António Cangueiro): o chocalheiro de Bemposta sai nos dias 26 de Dezembro e 01 de Janeiro (e não no dia 25 de Dezembro, como erradamente escrevi. O de Vale de Porco é que sai no dia 25-12). No dia 25 dá-se a licitação, em casa do mordomo. Fica a emenda (que serve igualmente para a segunda parte, já enviada).
    Antero Neto

    ResponderEliminar
  6. Caro Antero

    Gostei de ler esta 1ª parte do postado e concordo consigo com o apelo ou alerta feito no final.

    Fico a aguardar a 2ª parte.

    Entretanto permita-me uma pequena achega: Há uns anos estudei as folias de entrudo e vim a saber que em Tó no 26 de Dezembro se fazia o sermão de santo estevão, uma especie de Loas onde se faziam a revista ou critica social da aldeia e, curiosamente, mencionavam as pessoas pelo seu próprio nome.
    Nada tinha a ver com o ciclo de 4 anos que refere em relação ao rito desde o Moço, a Sécia, o Farandulo e o Mordomo, no 1 de Janeiro e nem sei se o sermão de santo estevão se continua a fazer, penso que não.
    Isto descobri pq. pessoa Amiga me forneceu e guardo o sermão de santo estevão na integra realizado em 1940 em Tó e que é um prazer reler por nos revelar as peripécias duma localidade do então interior profundo.

    cps.

    C.S.

    ResponderEliminar
  7. Antonio Cangueiro, disse:
    Parabens pelo texto, muito bom! Uma pequena incorrecção no que se refere ao chocalheiro de Bemposta: não sai à rua dia 25 de Dezembro mas sim dia 26. Dia 25 à noite realizam-se as mandas em casa do mordomo (uma espécie de leilão-quem manda ...mais?). Depois quem veste o mangão e põe a carocha, por norma, é quem tem a promessa de apanhar a esmola, que ninguem sabe quem é. No dia de apanhar a esmola é um tentar adivinhar quem irá dentro do mangão. Dia 26 é em honra de Nossa Senhora e o Menino dia 1 de Janeiro.

    ResponderEliminar
  8. Antero Neto Lopes, disse: Obrigado pela correcção. Como eu só estive no dia 01 de Janeiro, presumi que a outra saída fosse no dia 25. As minhas desculpas pelo lapso

    ResponderEliminar