quinta-feira, 20 de agosto de 2015

Torre de Moncorvo - Mais de 100 mil euros para recuperar órgão de tubos da igreja matriz

Já se iniciou a recuperação do órgão de tubos da Igreja Matriz de Torre de Moncorvo. Uma intervenção promovida pela Direção Regional de Cultura do Norte (DRCN) em colaboração com Câmara Municipal que representa um investimento de 80 mil e 700 euros.

Esta será uma segunda fase de intervenção, depois de em 2013, ter sido executado o restauro da caixa do instrumento, que tinha custado de 20 mil e 713 euros. Faltava agora fazer a recuperação da máquina do órgão para que este voltasse a funcionar, “que permitisse que o instrumento funcionasse novamente e participasse nas celebrações litúrgicas e permitisse eventualmente a organização de concertos na Igreja Matriz”, adianta o director DRCN, António Ponte. O órgão de tubos é tido com uma importante peça de arte sacra do século XVIII, e a sua recuperação vem dar assim uma nova capacidade litúrgica ao templo cristão. De acordo com António Ponte, director da DRCN, a perspectiva é que a intervenção permita a inclusão da Igreja Matriz de Torre de Moncorvo em programas culturais. De acordo com António Ponte, “este instrumento musical tem uma importância grande no âmbito, não só da igreja matriz de Moncorvo, mas naquilo que pode ser o programa cultural de toda a região Norte”. A recuperação de um conjunto de órgão de tubos na região permite perspectivar programas culturais, nos quais os órgãos de tubo possam ancorar redes de programação, que permitam fazer ciclos de música de órgão que percorram todo o território da região. A intervenção do órgão de tubos da Igreja Matriz de Torre de Moncorvo foi incluído pela Direção Regional de Cultura do Norte na candidatura «Património Religioso do Leste Transmontano» apresentada ao QREN /ON2. Estima-se que o restauro do instrumento esteja concluído durante o primeiro trimestre de 2016. Escrito por Brigantia.

Fonte: http://www.brigantia.pt/ind
ex.php?option=com_content&task=view&id=14185&Itemid=43

Sem comentários:

Enviar um comentário