segunda-feira, 18 de janeiro de 2016

Torre de Moncorvo - Dirigente do CDS suspeito de abusar sexualmente de menor



A terceira sessão em tribunal está agendada para a próxima semana, mas decorrerá à porta fechada. 


O presidente da Concelhia do CDS de Torre de Moncorvo, Carlos Manuel Paçó, está a ser julgado em Bragança por abuso sexual de uma menor, noticia o Jornal de Notícias.
A vítima tinha na altura 13 anos quando o arguido, de 31 anos, a apanhou perto da escola e levou-a para casa, onde terá mantido relações sexuais com ela.
A mesma publicação informa que o crime terá acontecido a 23 de abril de 2012, às 12h08, quando o dirigente partidário alegadamente contactou a menina para se encontrar com ela numa rua próxima da sua escola. Depois levou-a para casa e, “não obstante a ofendida inicialmente se recusar”, levou-a para o quarto e terá tido relações sexuais com a menina.
A menina costumava acompanhar o pai nas suas idas ao café, também frequentado por Carlos Paçó, e como ambos os homens são caçadores até chegaram a caçar juntos.
Foi a partir daí que terá surgido o interesse do dirigente pela menina, que em dezembro de 2011 arranjou o seu número de telemóvel e começou a contactá-la através de mensagens. Por várias vezes convidou-a para ir a sua casa, obtendo sempre uma resposta negativa.
O julgamento começou em novembro e a terceira sessão, que decorrerá à porta fechada, está agendada para a próxima semana, em Bragança.

Fonte: http://www.noticiasaominuto.com/pais/521870/dirigente-do-cds-suspeito-de-abusar-sexualmente-de-menor

Sem comentários:

Enviar um comentário