segunda-feira, 22 de junho de 2015

TORRE DE MONCORVO - EFEMÉRIDES (22/06)

22.06.1726 – Deliberação da câmara de Moncorvo para se mandar reconstruir a ponte da Junqueira sobre a ribeira Vilariça. Nomeada também uma comissão de mordomos e respectivo Juíz (padre Aurélio da Costa Osório) para a ”capela da Senhora dos Remédios da porta da vila”.
22.06.1834 – Reunião da Câmara com representantes do Clero, da Nobreza e dos Povos (aldeias) a fim de ser tomar decisão sobre a criação de partidos médicos. No final “declararam que não era da sua vontade concorrer com quantia alguma para os ditos partidos, pois que tinham cada um nos seus respectivos povos cirurgiões a quem pagarem e quando precisassem de médico tinham a liberdade de mandar chamar onde o houvesse, pagando à sua conta” Além dos camaristas, assinam a acta, em representação dos povos: Francisco António Salgado Negrão, Manuel José Carvalho Noga; Julião Dias Topete; José Joaquim da Expectação Gomes e Manuel Joaquim Rodrigues Pontes.
ponte da Junqueira
22.06.1907 – Deliberado que a Feira do Castedo se faça no último domingo de cada mês.
22.06.1848 – Nota da acta da reunião da câmara municipal dizendo que “o professor de Urros, Francisco António de Azevedo (…) sempre foi e é hoje mais do que nunca, incapaz de exercer as funções deste cargo (…) isto mesmo se disse em ofício datado de 6.12. 1840 (…) é voz pública e constante que um cunhado do referido professor, escrevente na Provedoria foi quem por ele fez o exame.”
António Júlio Andrade

4 comentários:

  1. O que eram partidos médicos?Agradeço que me informem.

    ResponderEliminar
  2. A câmara contratava um médico para atender os doentes do concelho, dentro de certos parâmetros, Com preços de consulta tabelados e gratis para os pobres, pagando a câmara uma avença certa ao médico. E o médico não podia recusar-se a atender o doente. Era isso um partido médico, em traços mgerais. Mas podiam as câmaras criar 2 ou 3, dividindo a área do concelho por freguesias... Depois o esquema evoluiu para os delegados e sub-delegados de saúde... J. Andrade

    ResponderEliminar
  3. O que eu tenho aprendido com o António Júlio Andrade!
    Muito agradecida.

    Abraço
    Júlia

    ResponderEliminar