quinta-feira, 2 de julho de 2015

Nordeste Transmontano -EFEMÉRIDES - (02/07)

02.07.1713 – Acta da reunião da câmara municipal de Moncorvo:

Casa do Concelho
- (…) Apareceu António Martins, de Bruçó, e disse que passava pelo limite desta vila com duas carneiradas que era para a cidade de Lisboa, a saber, uma de 550 carneiros e outra de 560, as quais iam uma atrás da outra e hão-de passar pelos sítios seguintes: entrarão pelo pinhal do seguro e irão por toda a encumia até descer a São Bento e Santa Leocádia e daí a Ribacavada e daí por toda a estrada até passar na Barca do Douro. E se obriga a pagar em dobro toda a perda que fizer em renovos ou propriedades por onde passar, do que ficou por seu fiador João da Costa, desta vila…
02.07.1797 – Em reunião de câmara foi decidido arrematar a “obra da nova casa que há-de servir para Cadeia dos Presos, debaixo da Casa do Depósito que arrematou o pedreiro Luís da Costa. – Apontamentos: Levará a casa que há-de servir de cadeia para os presos duas paredes e estas levarão quatro palmos de largura, feitas de alvenaria e se abrirá a porta que está tapada ao fundo das escadas da cadeia que sobem para ela e as ditas duas paredes serão também caiadas da parte de dentro e terão de comprimento o que vai da parede da cadeia correndo do nascente até ao ponte a dar na trave que divide a Casa do Concelho. E de largo no cimo o que for necessário até dar na parede da cadeia correndo para o sul…”
02.07.1909 - Telegrama enviado pelo Director do Minho e Douro da CP – “Exº Presidente câmara municipal Moncorvo. Não estão na minha alçada as providências que Vª Exª me pede. Abertura da Ponte do Pocinho tem de ser ordenada superiormente”.
02.07.1940 – Inauguração do edifício da câmara municipal de Alfândega da Fé.
António Júlio Andrade

2 comentários:

  1. Casa do Depósito onde era? Para que servia?

    ResponderEliminar
  2. Abertura da Ponte do Pocinho quando foi?A Linha do Sabor quando começou?Quando chegou a Moncorvo?

    ResponderEliminar