sexta-feira, 24 de julho de 2015

"Red Burros" regressa aos céus de Mogadouro

Clique na imagem para ver maior
O festival "Red Burros Fly-In" já não sai das agendas. Nomes de topo da acrobacia aérea nacional vão marcar presença no festival, que promete boas horas de espectáculo e muita adrenalina. 
Ventos de Mogadouro reúnem os "melhores acrobatas" da aeronáutica nacional
A vila de Mogadouro acolhe, no sábado, o festival aéreo "Red Burros Fly In". A iniciativa conta com mais de 150 aeronaves civis e militares e é uma oportunidade para dinamizar a economia local. 
"A iniciativa já está implantada e temos notado, a cada ano que passa, um maior número de pilotos interessados em participar no Red Burros”, afirma o director do Aeródromo Municipal de Mogadouro (AMM), João Corredeira, realçando que o fenómeno "obriga ao reforço da logística e condições de segurança" no aeródromo. 
Nomes de "topo da acrobacia aérea nacional vão marcar presença no festival, "com aviões que promovem umas boas três horas de espetáculo e adrenalina". Segundo a organização, a Força Aérea Portuguesa vai marca presença com um avião de transporte do tipo CASA C-295M e o Exército vai apresentar-se com a equipa operacional de saltos em paraquedas, Falcões Negros. 
A Câmara de Mogadouro investe cerca de 50 mil euros na organização do festival aéreo e o presidente da autarquia, Francisco Guimarães, considera que “há retorno económico”, principalmente, na área do turismo e da hotelaria. 
"As unidades hoteleiras de Mogadouro estão esgotadas. Os restaurantes apresentam bastantes reservas para sábado e os produtos da terra estão a ser muito procurados e todo o Planalto Mirandês fica a ganhar", sublinha o autarca. 
O "Red Burros Fly In" é um festival aeronáutico que se realiza desde 2010 e tem como pontos altos a exposição estática de vários modelos de aviões e planadores, além de baptismos de voo, tendo como palco o aeródromo municipal. 
O nome do festival aéreo quer simbolizar “o sangue, o esforço em fazer as coisas” e é uma espécie de homenagem ao animal mais tradicional do concelho - o burro de carga.

Fonte: http://rr.sapo.pt/informacao_detalhe.aspx?fid=25&did=194348

Sem comentários:

Enviar um comentário