domingo, 27 de maio de 2012

ESCOLA INDUSTRIAL - MEMÓRIAS













Fotos cedidas pelo professor Fernandes

4 comentários:

  1. Manda a tradição que as altas individualidades e convidados se perfilem na primeira fila.

    Assim sendo,para além de figuras gradas do Estado Novo português, para outra terminologias epistemológicas e cientificas. do fascismo,e porque não transmontano, outras caras do comércio local, dos serviços camarários, da educação,das barbearias também..

    Na primeira fila, pois já ia por aí adiante e esquecia -me de mencionar os nomes do Dr. Juiz Miranda e de sua esposa a Dª Palavichini,cujos nomes da filhota e do filhote nunca os soube.

    E Recordo um dito da minha professora de Música:

    Tu só se fores para a 3ª ou quarta voz. E lá ficava eu numa sala da antiga Escola da Corredoura,emprestada ao sistema de ensino oficial, transferindo que foi o Colégio para a Escola Industrial e Comercial de Moncorvo..

    Mal sabia a Dona Palavichini que eu sabia assobiar muito bem às ovelhas no fim de semana e elas obedeciam tão bem ou melhor como eu obedeci a mulher de Juiz... Reparem bem na indumentária tão janotita dos filhos do Dr. Juiz..E naquele senhor, comerciante de calçado:

    Tomara eu ter tantos clientes como os filhos deste casal..Mas os pais daqueles meninos engravatadinhos também seriam bons clientes..Até eu lhos cheguei a comprar..E um pouco atrás está a mulher do Taxista Pereira..e outros que acrescentem seus nomes e profissões..

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eugenia Sá Morais Sousa18 de agosto de 2013 às 23:27

      O filho do Senhor Dr. Juiz chama-se João Carlos Palavichini Amado Gomes (foi meu aluno na 1ª classe,agora 1º ano)

      Eliminar
    2. Olá Artur
      Gostei...
      AL

      Eliminar
  2. De certeza que eu também estou..a minha bata branca que a minha mãe com tanto brio lavava e passava para parecermos sempre tiradas de uma caixa..nao me consigo vislumbrar.. Mas lembro me bem desses dias de festa e ate reconheço algumas meninas da minha turma..à frente para nao variar as emproadas de duas "professoras "?que eu detestei pela sua arrogância, vaidade e falta de profissionalismo e pedagogia. De resto,.. tudo tinha que ser assim...Mas,,, há ali boa gente de quem eu tenho boas recordações. Moncorvo é a terra da minha alma.

    ResponderEliminar