sexta-feira, 18 de setembro de 2015

Nordeste Trasmontano - EFEMÉRIDES (18/09)

18.09.1849 – Eleição da câmara de Moncorvo, com uma só assembleia eleitoral para todo o concelho, instalada nos paços municipais. Resultados: António Joaquim Ferreira Pontes – 161 votos; António de Carvalho e castro – 143; Serafim Girão de Morais Sarmento – 135; António Bernardino gomes – 131; Francisco Leopoldo Botelho de Magalhães – 98.
18.09.1850Luís Cláudio de Oliveira Pimentel faz seu testamento deixando como herdeiros os seus filhos: João Carlos, Justiniano Claudino, Cândido Augusto, Júlio Máximo e António Claudino.
Alfredo Durão
18.09.1892 – O nº 48 do semanário O Moncorvense publica um texto biográfico sobre o capitão Alfredo Durão de Urros referindo nomeadamente que “comandou como tenente da 1ª Brigada de Montanha para abafar a revolta do 31 de Janeiro” pelo que ganho a medalha da Torre e Espada. Depois “concorreu para cônsul e foi dos primeiros classificados mas os políticos…”
Neste mesmo jornal se informa que dos 50 alunos do colégio de S. António levados a exame só 2 chumbaram.
No mesmo jornal se publica o seguinte texto de verrinosa crítica humorística do ex-ministro progressista das obras públicas, o conselheiro Eduardo José Coelho e aos seus apaniguados do partido nas terras do Nordeste Trasmontano:
- CORRIDA DE TOUROS – Dizem de Bragança: chega por estes dias o Conselheiro a esta cidade. O espectáculo começa por cá. Os animais vieram já em jaulas próprias e acorrentados; os condutores e mestres do curro são o Neves, que há-de empalmar o gado e os lucros do espectáculo; o Esteves que já obteve limpeza da baixa; este receberá o dinheiro e ficará com os bilhetes de entrada no bolso; o delegado de Mirandela (Camilo Pessanha) que dará um novo espectáculo: corridas em pello; o Bruto Cício e o Assenor tocarão o chocalho à entrada, leiloando a retalho os despojos das vítimas; e o Lambaças marcará, na plateia, o lugar ás damas, levando-as pelo braço e proporcionando-lhes divertimentos adequados. O Conselheiro entrará montado num possante ginete; o Malta segurará o bridão, como moço de vara… Os bilhetes estão á venda na redacção do Nordeste; em Macedo em casa do juiz e do delegado da comarca; em Vinhais idem; em Mirandela em casa do dr. Mazombo

António J. Andrade

1 comentário:

  1. Já comentei, mas cliquei erradamente.
    Dizia eu que a família dos Pimentéis era enorme. E dizia ainda que no texto "Corrida te touros" o sarcasmo tem gume bem afiado.

    Abraço
    Júlia

    ResponderEliminar