terça-feira, 1 de março de 2016

Trancoso - Restauro da igreja de Santa Maria revelou estrutura original do templo datada do século XII


Jornal «A Guarda»

Pároco espera que descoberta sirva como «mais um motivo de visita» ao monumento.

Trancoso, Guarda, 29 fev 2016 (Ecclesia) – A igreja de Santa Maria de Guimarães, em Trancoso, na Diocese da Guarda, está a ser alvo de obras de restauro e a intervenção permitiu revelar uma parte da estrutura original do templo, datado do século XII.
Em declarações ao jornal “A Guarda”, o pároco de Trancoso explica que “durante as obras foi detetada uma parede interior, que em tempos foi a parede exterior da antiga igreja românica, que vai agora ficar à vista”.
O objetivo, segundo o padre Joaquim Duarte, é a criação de “um pequeno núcleo museológico” enriquecido também com “alfaias religiosas, paramentos antigos e outros objetos”, que possa servir como “mais um motivo de visita” à igreja.

Os trabalhos de reabilitação e conservação da igreja de Santa Maria de Guimarães, situada dentro das muralhas da cidade de Trancoso, estão avaliados em cerca de 100 mil euros e metade da verba é comparticipada pelo Estado.
Neste momento envolvem sobretudo “intervenções ao nível do telhado, dos tetos e das paredes interiores” do monumento, cuja configuração atual da igreja data de 1784.
As obras permitiram ainda descobrir “dois vãos de uma reconstrução do templo, que atualmente se encontram tapados com pedra” e ainda “um nicho, que está a ser recuperado para ser colocado, em condições, no sítio antigo”.
“Naquele sítio estava um altar de madeira com umas imagens. A parede do nicho está tapada com um papel azul e, provavelmente haverá lá por trás um fresco”, admite o padre Joaquim Duarte.
Segundo o pároco de Trancoso as obras na igreja “eram necessárias há muitos anos” e poderão ser alargadas a uma segunda fase, “de recuperação das talhas, do altar-mor e dos caixotões do templo”.
O sacerdote espera também estender os trabalhos à igreja Matriz de São Pedro, um monumento que todos os anos é visitado por milhares de turistas e que alberga o túmulo do sapateiro-profeta Gonçalo Anes Bandarra (1500 -1545).

Fonte: http://www.agencia.ecclesia.pt/noticias/nacional/trancoso-restauro-da-igreja-de-santa-maria-revelou-estrutura-original-do-templo-datada-do-seculo-xii/

Sem comentários:

Enviar um comentário