quinta-feira, 27 de fevereiro de 2014

TORRE DE MONCORVO - EXCURSÃO

Click na imagem para aumentar.
Fotografia cedida por um anónimo.

Era costume ,nos anos  50/60, grupos de amigos organizarem excursões  pelo país. O passeio clássico tinha como destino Fátima, visitando-se de passagem ,Coimbra (Portugal dos Pequeninos), Nazaré (O Sítio),Lisboa (Cristo-Rei),Évora (Templo de Diana)e Serra da Estrela. Levava-se farnel e dormia-se na "carreira".
Publicada a 27/11/10

4 comentários:

  1. O farnel era partilhado,e entre cantigas, anedotas e comentários a acontecimentos da terra, confraternizavam e alargavam horizontes.

    ResponderEliminar
  2. O que era e continua sendo verdadeiramente original é o passeio dos comerciantes. Sim, em Torre de Moncorvo desde há uns 50 anos, que os comerciantes promovem uma excursão anual com a duração de 2 dias, em um fim de semana, ao início do Verão, num programa previamente estabelecido por uma comissão que eles próprios elegem com esse objectivo... Coisas de Moncorvo ou a arte de ser Moncorvense?! J. Andrade

    ResponderEliminar
  3. Esta fotografia é um desafio à nossa memória.Quem são estes moncorvenses?não reconheço ningém!

    ResponderEliminar
  4. Julio Remondes escreveu:Já foi aqui comentada uma foto parecida com esta. Eu, e o meu irmão Zé Manel participámos nesta excursão de uma semana (Moncorvo-Fátima-Algarve) Setembro de 1971/72 ?...Julgo que esta foto foi tirada por ele. Penso ter esta no meu álbum bem como mais algumas. Lembro-me da maioria das pessoas. Passo a citar aquelas de que me lembro. Em cima da esq. para d dtª.: Menina Joaninha, chefe dos CTT; Xico do Rego da Barca;Menina Noémia (memória); Sr. Álvaro Pando; Sr. Fernando (motorista do autocarro (Santos), de gravata e a rir); Srª. Irene Memória (avó do Ramiro e Jorge Pessoa); A senhora a seguir (não me lembro do nome) é tia do Paulo Patoleia; Zezinha Reis; Sr. Miguel (avô do Jorge e Ramiro Pessoa); Srª. Deolinda (leiteira) e o casal da ponta (pais do Zé Lapa). Em baixo, também da esqª. para a direita, a contar da 4ª. pessoa, a Prof. Marquinhas (mãe do Sr.Abílio Dengucho); o miúdo a seguir com a mãe Aida (mulher do Xico do Rego da Barca); Dona Ermelinda (esposa do Álvaro Pando); Drª. Arminda Moutinho (com a mala encostada ao chão); Zé Bento; Orlando Camilo e o Sr. da ponta e de óculos escuros é o Sr. Dengucho (pai). De referir que esta excursão correu tão bem que ficou marcada na memória de todos aqueles que nela participaram. Organizada pela paróquia em consideração ao Sr. Padre Manuel Afonso Antunes, um amigo que recordo com grande saudade. Muito haveria para contar mas fica para outra altura...

    ResponderEliminar