quarta-feira, 30 de outubro de 2013

Peredo dos Castelhanos - Fevereiro de 1974



6 comentários:

  1. Peredo dos Castelhanos é uma freguesia portuguesa do concelho de Torre de Moncorvo, com 17,83 km² de área e 111 habitantes (2011). Densidade: 6,2 hab/km².
    Situa-se no Alto Douro e está integrado na Região Demarcada do Douro, pertence ao denominado Douro Superior. O rio Douro avança em território nacional, desde a Barca d'Alva, em linha mais ou menos rectilínea, até que faz uma curva pronunciada para a direita no momento em que recebe as águas do rio Côa.
    É em frente, no contexto dessa curva em que desagua o rio Côa, o célebre "rio sagrado", que se localiza o Peredo.
    A aldeia de Peredo dos Castelhanos situa-se no extremo Oriente do concelho de Torre de Moncorvo. É banhada a sul e a poente pelo Rio Douro, em posição frontal para a cidade de Vila Nova de Foz Côa. Os seus terrenos distribuem-se pelo planalto onde se situa a aldeia e pelas encostas ou ladeiras e vales apertados dessa Ribeira e do Rio Douro.
    O solo é xistoso, de relevo acidentado com muitos penhascos em muitas partes da encosta do rio e da ribeira, e planáltico nos campos que rodeiam a povoação.
    A partir das inquirições de 1258, esta aldeia começa a ser referida em vários documentos antigos. No século XIV, os seus habitantes são obrigados a trabalhar na construção do muro do Castelo de Moncorvo.
    Em 1370, perante as queixas dos moradores de estarem a ser diminuídos e despovoados com a criação do concelho de Vila Flor, D. Fernando enquadra Urros e Peredo no concelho de Moncorvo, cortando com a ligação anterior a Freixo de Espada à Cinta.
    Sem se saber bem os motivos, consta-se que os habitantes terão abandonado o local, para depois voltar a ser habitado, em 1530, por oito famílias espanholas. A origem do topónimo Peredo viria do latim que significaria um conjunto ou pomar de pereiras, o que significa que estas plantas eram muito comuns no Peredo.
    Da tradicional capela da Sr.ª da Glória pode-se avistar as altas e abundantes montanhas e vales em redor, pelas encostas íngremes, pelo Ribeiro do Gavião ou pelo Douro que passa lá bem no fundo.
    http://pt.wikipedia.org/wiki/Peredo_dos_Castelhanos

    ResponderEliminar
  2. Patricia Pereira escreveu:a direita e a casa do meu tio zé et da tia e do joel

    ResponderEliminar
  3. Edmundo Gil - A casa pintada de branco é a que era dos meus pais. Agora é dos herdeiros.

    ResponderEliminar
  4. A casa pintada de branco era dos meus pais. Agora é dos herdeiros.

    ResponderEliminar
  5. Manuel Branco escreveu: A casa mais antiga é a casa dos meus pais (foi onde nascemos eu e a minha irma) agora esta tudo diferente, A senhora deve ser a senhora Maria (Capinha) e a filha Elizete eles moraram nesta parte da casa porque nos estavamos em Angola. O meu muito obrigado pela foto

    ResponderEliminar
  6. Vitória Lázaro escreveu:Obrigado Sr. Lelo. Esta foto é de fato do Peredo. O Edmundo já reconheceu as pessoas. É a Elizete e a mãe a partir amêndoa.

    ResponderEliminar