domingo, 26 de março de 2017

"Daqui a dez ou 15 anos o Douro vai estar ainda melhor"

Miguel Cadilhe, 73 anos, foi o principal mentor do processo de candidatura do Alto Douro Vinhateiro à lista do Património Mundial da UNESCO. Dezasseis anos depois do sucesso da candidatura, o economista recorda os passos dessa história e traça o perfil das mudanças que mudaram a face do vale. Sobre a distinção que recebe nesta sexta-feira, Miguel Cadilhe não esconde o orgulho por ter feito “alguma coisa por aquela terra e por aquela gente”. E fê-lo, sublinha, sem ter terra nem família na região. Uma história de afectos.


Vai ser doutorado honoris causa pela Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (UTAD). O que fez de tão importante para merecer esta distinção?

Isso tem de perguntar ao reitor da UTAD.

Sem comentários:

Enviar um comentário