sexta-feira, 30 de agosto de 2013

Núcleo Museológico da Fotografia do Douro Superior -Memórias III

Casimiro A. Cristão-  Mós
Mais momentos cristalizados nos finais da década de quarenta.  Depois de tantos anos, resta a grande aposta que é vertida nos princípios da preservação das imagens. Como  a justificação para a digitalização tem como fundamento o perpetuar de registos como um todo, a fim de dimensionar este projeto de acordo com as normas de segurança e de qualidade, apresenta-se mais uma caixa com registos de pessoas da região, “sacadas” pelo  arrojo do  fotógrafo Sr. Zeca Peixe.
A foto, só por si, é um belo elemento de força e de leituras dispersas de um tempo. É, tão  somente, bela.





CAIXA I

Camilo Cordeiro- Cabanas- 805,Cândida Amaro- Felgar- 808,Cândida Celeste Ochoa- Sendim- 811
Cândida Graça Preto- Felgar-809,Cândida Pires- Moncorvo-800,Cândida Salgado- Meirinhos- 812
Carlos Arménio Bastião- Ligares-813,Carlos Augusto Mendes- Pocinho-806
Carlos Pissarra- Pocinho- 807,Carolina Meireles- Vilarelhos- 798,Carolino dos Santos...- Sambade- 799
Casimiro A. Cristão-  Mós-810,Celeste Valéria- Pocinho- 804,Celestina Rosa- Pocinho- 803
César Augusto Ramos- Moncorvo- 801,Elisa Cordeiro- Felgar-788,Elísio Pinto D`Oliveira- professor-793
Elvira Gouveia Carreira- Carviçais- 785,Elvira- Moncorvo-787,Ermelinda Gonçalves- Felgar- 794
Emília Ferreira- Silveira- 791,Emília Gouveia- Carviçais- 786,Ester da Conceição Sousa-Estevais-789
Ester Trindade- Adeganha-795,Eva rosalina Ferreira- Pocinho- 790,Ilídio dos Santos Carvalhais- Quintas-792,Leopoldina dos Anjos- Felgar- 814-2,Leopoldina dos Anjos- Felgar-814
Lucília Soeiro- Felgueiras- 820,Luís António Teixeira- Moncorvo-821
Luís Fernandes- Maçores-813,Luís Gudes- C.F. 819,Luís Rodrigues- Açoreira-816
Luís Vasconcelos- Foz Côa-817,Padre Luís José Ruivo- Mogadouro-815

 Arnaldo Silva


5 comentários:

  1. O único serviço público a funcionar em Moncorvo.
    Leitor

    ResponderEliminar
  2. Um dia ,não muito longincuo vamos a saber porque o professor Arnaldo recebeu um louvor pelo seu trabalho sobre ceramica e do Núcleo ningém fala.Foi inaugurado por outro professor o doutor Vasco Rodrigues.E o PARM recebe por 20 anos uma sede magnifica por ter andado 25 anos a tentar esboçar uma carta arqueológica que todos contestam mas que existe finalmente.Conheço uma pessoa que a viu.Diziam que só aparecia em outubro.Fico Parmaloide com tudo isto.
    N.N.N.

    ResponderEliminar
  3. Esqueci-me de dizer:já era urbanoide da Lisbia,agora estou parmaloide ou palmealoide.

    ResponderEliminar
  4. Marlene Carvalhais · 42 amigos em comum
    é o meu avô!!!!!!!!!!!!!!! como posso arranjar essas fotos? estão no museu??

    ResponderEliminar
  5. Fórum Carviçais :Marlene, deves contactar o nº 918536072 ou Núcleo Museológico da Fotografia do Douro Superior, Rua Dr. Campos Monteiro nº 14, 5150 Torre de Moncorvo, para a aquisição dos registos em formato digital.

    ResponderEliminar